Deputado Paulo Corrêa Jr. apresenta Frente Parlamentar para discutir Travessia de Balsas

O objetivo é estudar, debater e analisar a regulamentação ao acesso de prioridades à balsa

Como um bom observador dos problemas da região, o deputado estadual Paulo Corrêa Jr. (PATRI) apresentou, na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP), a Frente Parlamentar de Regulamentação do Transporte Hidroviário por meio do Serviço de Travessia de Balsas do Estado de São Paulo.

Após reunião com o vereador de Santos, Sadao Nakai (PSDB), que discutirá o tema na Câmara de Santos por meio de uma CEV (Comissão Especial de Vereadores), Corrêa Jr. decidiu somar força ao tema e promover estudos, debates e análises acerca da regulamentação do acesso de prioridades nas travessias de balsa do Estado.

Foi constatado que pessoas usam de má-fé quanto ao uso de prioridades, acarretando mais problemas na fila e, consequentemente, na qualidade do serviço. Como exemplo, pessoas que usam o cartão do idoso sem estar com o próprio no veículo.

“Não queremos tirar esse direito dos que realmente o necessitam e tem, porém é preciso que exista uma regulamentação para o acesso das pessoas que de fato possuem essa prioridade, como: idosos, gestantes, portadores de deficiência, entre outros. É importante que haja uma fiscalização, pois isso, com certeza afeta na prestação desse serviço ”, afirmou o deputado.

Estado e Município –A ideia é que Estado e município trabalhem juntos para alcançar algum resultado positivo sobre essa situação. Por isso, o vereador santista, abrirá uma Comissão Especial de Vereadores (CEV), na Câmara Municipal de Santos, com a mesma finalidade da frente parlamentar.

O lançamento da Frente Parlamentar e da CEV tem previsão para acontecer até o fim deste ano, contando com a presença de órgãos como a Dersa, a CET, o Ministério Público e a Sociedade de Melhoramentos da Ponta da Praia.

Na última segunda-feira (26), a espera pelo embargue chegou a 1h40.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *